Você sabe a diferença entre a Logística Inbound e Outbound?

4 minutos para ler

Por que entender a diferença entre Logística Inbound e Outbound?  

Primeira coisa de tudo, para organizar e mensurar o desempenho de uma cadeia de suprimentos é preciso conhecer os processos a fundo, para então buscar aprimorá-los. 

Essa é a importância de entender as diferenças, para adotar as melhores estratégias de acordo com as necessidades de cada área. 

Nesse artigo, vamos explicar as definições e as diferenças de logística inbound e outbound, além de dar algumas dicas de como extrair o melhor de cada uma delas. 

Curioso para saber mais? Então continue a leitura! 

Entenda o que é Logística Inbound e Outbound

É bem provável que você já tenha uma ideia de como funcionam esses processos logísticos e só não saiba a definição ao certo do que é a Logística Inbound e Outbound. 

De forma prática, inbounddo inglês significa entrada, ou na tradução mais literal, dentro dos limites. 

Sendo assim, logística inbound são as operações que vão desde a matéria-prima até a chegada à fábrica. Ou dos produtos acabados até o centro de distribuição

Quando falamos de outbound, sua tradução literal é fora dos limites ou saída. 

Então podemos dizer que a logística outbound refere-se ao movimento dos produtos até ao usuário final. 

Quais as diferenças da logística Inbound e Outbound?

Em resumo, a principal diferença entre a logística inbound e outbound, é que a logística de entrada está relacionada aos suprimentos, enquanto o outbound é mais ligado à demanda. 

Uma outra forma de diferenciar os 2 tipos de logística é analisar quem irá receber os produtos ou mercadorias. 

Se é a fábrica ou o produtor da mercadoria quem irá receber, então trata-se de um processo de logística de entrada. 

Mas se for o cliente final, então é uma operação de logística de saída.

A importância em saber diferenciar a logística inbound e outbound está em poder aprimorar o processo levando em consideração as particularidades de cada operação. 

No próximo tópico veremos como isso é possível. 

Melhores práticas para otimizar a logística Inbound e Outbound

Agora que você já entendeu o que é logística inbound e outbound, conheça algumas práticas que contribuem para otimizar essas operações na cadeia de suprimentos

  1. Invista numa boa relação com fornecedores e seus terceirizados de transporte, assim você poderá trabalhar com bons prazos, obter melhores condições e reduzir custos;
  2. Otimize seu estoque com ajuda da tecnologia para não ocupar muito espaço, mas o suficiente para atender a demanda;
  3. Faça bom uso do sistema de Gestão de armazém (WMS) para uma boa visibilidade da entrada e saída de produtos;
  4. Reduza os ruídos de comunicação entre departamentos para evitar erros e atrasos;
  5. Invista na integração das operações para melhor sincronia de toda a cadeia de suprimentos. 

Estas são algumas maneiras de otimizar os processos de logística inbound e outbound, mas tudo isso pode ser potencializado com auxílio das tecnologias emergentes. 

Procure saber quais são as tendências e soluções para as operações logísticas que são atestadas pelo mercado. Aqui no nosso blog você encontra várias. 

Se você quer ter acesso a mais conteúdos sobre o gerenciamento de processos logísticos, siga as nossas páginas no Facebook e no Linkedin para manter-se atualizado sobre as principais novidades do setor!

Posts relacionados

Deixe um comentário