O que faz um Gestor de Logística?

4 minutos para ler

Conheça esta função e o que é preciso para se tornar um profissional de sucesso!

Se você se interessou por esse artigo, é bem provável que tenha o desejo de progredir na carreira na área da cadeia de suprimentos e almeja o cargo de Gestor de Logística. 

No entanto, ainda não tem certeza se esta é a função correta para o seu perfil? 

As principais dúvidas estão neste texto. Trouxemos tudo “mastigado” para você entender o que faz um gestor de logística e quais são as habilidades e competências requisitadas. 

Leia até o fim e descubra se vale a pena seguir carreira como um gestor de logística.

O que faz um Gestor de Logística? 

A logística é um dos setores mais desafiadores de uma empresa e a sua gestão abrange o planejamento estratégico, controle do fluxo de produtos, armazenagem e distribuição.

O gestor de logística, por sua vez, administra todos esses processos. 

Em geral, ele busca fazer mais com menos e ainda precisa garantir que o cliente fique satisfeito com a entrega de seu produto. 

Faz parte da rotina do gestor de logística as seguintes atividades: 

  • Supervisionar compras, armazenagem e distribuição de produtos;
  • Garantir entrega dos produtos intactos;
  • Prever formas eficientes de transporte;
  • Tomar decisões ágeis de situações adversas ligadas ao estoque, armazenagem e transporte;
  • Gerir equipes;
  • Lidar com clientes e fornecedores;
  • Traçar estratégias para potencializar resultados;
  • Zelar pela segurança dos produtos e local;
  • Fazer relatórios e registros de estoque; 
  • Acompanhar a importação e exportação de um produto.

Um bom gestor de logística estará sempre em busca de formas inovadoras de gestão que otimizem espaço e recursos, reduzam custos e atendam as variadas demandas de clientes.

Conheça as principais habilidades de um gestor de logística buscadas no mercado

Uma pesquisa realizada pela Universidade Rasmussen, analisou 2500 descrições de vagas  para gestores logístico e analisaram que as habilidades mais requisitadas eram: 

  • Gestão de contratos;
  • Planejamento de negócios;
  • Gestão da cadeia de abastecimento;
  • Melhoria de processos;
  • Compras;
  • Sistema SAP;
  • Contabilidade;
  • Planejamento de recursos empresariais (ERP).

Veremos no próximo tópico outras competências necessárias para este profissional.

Quais as principais competências do gestor de logística? 

A complexidade do setor de logística exige competências que são essenciais para o gestor na hora de gerir a equipe e lidar com as situações adversas do setor

Vamos destacar as seguintes competências necessárias para essa função:

.Capacidade em liderar: Um perfil de liderança precisa ter:

  • Bom relacionamento interpessoal;
  • Visão estratégica;
  • Planejamento;
  • Habilidades organizacionais.

.Adaptabilidade: saber lidar com os imprevistos diários do setor, às inovações tecnológicas e as diferentes necessidades do consumidor. 

.Comunicação: fundamental para dialogar com a equipe, fornecedores, clientes e buscar a integração entre setores. 

.Dinamicidade: o gestor de logística precisa se preocupar com as questões burocráticas e ainda ser ágil e prático para garantir a qualidade do trabalho da sua equipe.

.Raciocínio lógico: aptidão essencial para tomadas de decisões assertivas e rápidas.

.Conhecimento tecnológico: o profissional precisa saber explorar o potencial das tecnologias 4.0, para assim otimizar seu trabalho. 

Em resumo, um bom gestor de logística precisa ser capaz de extrair o melhor de sua equipe e garantir que todo trabalho no setor logístico alcance os resultados estratégicos da empresa.

Se você quer ter acesso a mais conteúdos sobre o gerenciamento de processos logísticos, siga as nossas páginas no Facebook e no Linkedin para manter-se atualizado sobre as principais novidades do setor!

Posts relacionados

Deixe um comentário