Logística e armazenamento de produtos químicos: cuidados e boas práticas 

4 minutos para ler

A logística e armazenamento de produtos químicos são processos que precisam de muitos cuidados e atenção às normas de cada país. 

Se você precisa lidar com esse tipo de produto, é bom estar atento às normas e adotar práticas que evitem dor de cabeça. 

Este é o assunto do nosso artigo de hoje. Então aproveite a leitura para aprender mais. 

Como funciona a logística e armazenamento de produtos químicos?

Com certeza você já tem uma ideia de que a logística e o armazenamento de produtos químicos demandam um maior cuidado. 

Mas talvez, o que você não saiba são os inúmeros detalhes e normas que é preciso para armazenar e manusear os diferentes tipos de produtos perigosos. 

Importa saber que cada país tem suas exigências e para melhor segurança, existem números e símbolos para classificar produtos perigosos. 

Só a ONU tem 3500 números aproximadamente. No Brasil, adotamos as normas da ABNT

De forma geral, esses produtos se dividem em: 

  • Explosivos;
  • Gases – Inflamáveis e Não Inflamáveis
  • Gases Tóxicos e Não Tóxicos;
  • Líquidos Inflamáveis;
  • Sólidos Inflamáveis;
  • Peróxidos Orgânicos
  • Substâncias Oxidantes; 
  • Substâncias Tóxicas
  • Substâncias Infectantes;
  • Materiais Radioativos;
  • Substâncias Corrosivas;
  • Substâncias e Artigos Perigosos Diversos. 

Agora que já tem uma noção a respeito, vamos conhecer os principais cuidados necessários.

Principais cuidados no armazenamento de produtos químicos

Na hora de armazenar produtos químicos é essencial estar atento à classificação deles. 

É um fator que vai exigir cuidados diferentes em relação a:

  • Organização e distribuição no estoque ou armazém;
  • Atenção aos aspectos ambientais do local: como a temperatura, pressão, umidade, iluminação e ventilação;
  • Equipamentos e materiais diferentes para manusear e armazenar;
  • Equipe, que deve ser treinada no quesito prevenção e risco. 

Como já comentamos, as normas da ABNT são as principais diretrizes de como cada tipo de produto deve ser tratado.

Inclusive, elas trazem informações quanto às medidas ideais de espaço do armazém, distâncias entre os produtos, equipamentos, materiais e etc. 

Quais os principais cuidados com a Logística de produtos químicos

Já em relação aos principais cuidados que se deve ter quanto às logística, vale ressaltar as questões do deslocamento. 

Ao escolher o modal de transporte, verifique as regras que cada um exige para o transporte de produtos químicos. 

Em especial as regras de embalagens, identificação, quantidades e documentação. 

Considere também as várias etapas do deslocamento, desde a saída da fábrica para os estoques, e dos armazéns para o consumidor final. 

Além disso, busque atender todas as normas de prevenção e segurança quanto às cargas perigosas.

Pois, caso contrário, se houver acidentes sua empresa pode sofrer grandes penas. 

Que tal adotar boas práticas na gestão logística e de armazenamento de produtos químicos? 

Algumas sugestões em relação a logística e armazenamento de produtos químicos que podemos dar para que sua empresa adote, são as seguintes: 

  1. Tenha um profissional químico para te auxiliar com os quesitos técnicos;
  2. Está pensando em terceirizar a logística para uma empresa especializada? Neste caso, tenha a garantia de que seus parceiros logísticos possuam a infraestrutura adequada. 
  3. Não deixe de ter um plano de gestão de riscos;
  4. A tecnologia é uma aliada, especialmente para o controle de estoque e automação nos armazéns, o que aumenta a segurança.


Aqui, poderíamos dar muitas outras dicas, mas a principal é: conheça bem seu tipo de produto e as diretrizes para os cuidados com ele.

Se você quer ter acesso a mais conteúdos sobre o gerenciamento de processos logísticos, siga as nossas páginas no Facebook e no Linkedin para manter-se atualizado sobre as principais novidades do setor!

Posts relacionados

Deixe um comentário