Inventário permanente e periódico: entenda a diferença!