Como alinhar a gestão logística e a tecnologia? Como alinhar a gestão logística e a tecnologia?

Como alinhar a gestão logística e a tecnologia?

5 minutos para ler

A natureza complexa das cadeias de suprimentos atuais contribuiu para chegarmos a mais um desafio estratégico: o problema de alinhar a gestão logística aos muitos processos individuais e ferramentas tecnológicas que existem em departamentos funcionais da empresa. Ocorre que, muitas vezes, esses processos e ferramentas não estão dirigidos para atingir objetivos comuns, o que pode até atrapalhar a obtenção de algumas metas da organização. Nesse sentido, sua cadeia de abastecimento não conseguirá alcançar seu mais alto potencial de impacto. E para saber melhor como alinhar a gestão de logística e tecnologia, contaremos neste post os motivos que podem levar à defasagem dos processos, bem como 3 práticas que auxiliarão neste processo de reciclagem. Acompanhe!

Como o desalinhamento de processos e tecnologias ocorre?

Há muitas situações que podem colaborar para essa situação. Pode ser, por exemplo, o efeito de fusões e aquisições, de modo que as equipes ainda se agarrem a ferramentas e processos anteriores sem apoiar às prioridades estratégicas do novo negócio. Outra questão é quando a tecnologia se torna obsoleta, incapaz de lidar com o grande número de dados, necessidades e métricas mais complexas das cadeias de suprimentos de hoje. Pode acontecer ainda que os funcionários que estão na empresa há anos tenham dificuldade para mudar a cultura arraigada da organização simplesmente porque consideram que a forma atual de agir “é a maneira como sempre se fez na empresa”.

Cada empresa define sua estratégia de Suply Chain com o objetivo de otimizar seus processos e eliminar custos, de modo a combater com eficácia as ameaças competitivas. Contudo, são os meios tecnológicos que fazem com que esta estratégia se torne realidade nas operações que a equipe tem que cumprir. Soluções avançadas para as cadeias de abastecimento atuais geram oportunidades para medir o progresso tático em tempo real, aperfeiçoar a gestão de estoque e aumentar a capacidade de resposta dos transportes feitos.

Para combater esse desalinho e aproveitar totalmente seus investimentos em tecnologia da cadeia de suprimentos, confira agora 3 práticas que são capazes de nivelar a logística e a tecnologia, trazendo de volta a excelência na produtividade.

  • Construa uma capacidade de TI que seja verdadeiramente estratégica

Em uma época em que há grande flutuação dos preços dos materiais, demandas mais urgentes dos clientes e gradativa concorrência global, os investimentos em tecnologia representam uma poderosa arma estratégica. O empreendedor deve ampliar sua capacidade de compreensão de seus clientes, eliminar tempo morto da cadeia de suprimentos, reduzir despesas e estabelecer uma colaboração efetiva com os parceiros comerciais. E as soluções de TI correspondem a um recurso central para amparar essas metas de alto nível estratégico, visto que irão prover suas decisões críticas e determinar sua aptidão administrativa.

  • Certifique-se de processos diários que façam uma contribuição estratégica de longo prazo

Se você está se concentrando em melhorar a precisão das previsões, você precisa não só ter as ferramentas tecnológicas certas no lugar para coletar dados de mercado, mas também precisa definir processos diários para interpretar e aplicar essa informação de forma estratégica. Caso você queira diminuir os custos do transporte, por exemplo, softwares específicos podem achar roteiros mais interessantes, atualizando-os de forma ágil conforme a mudança das condições de traslado, ou calcular o combustível gasto em uma rota em especial. Suas práticas, relatórios e históricos podem ter um altíssimo impacto em seu negócio.

  • Consulte um especialista para alcançar resultados mais rapidamente

Embora os desafios de alinhamento sejam difíceis, a boa notícia é que há grande riqueza nos conselhos de especialistas disponíveis para ajudar sua organização. Para colher resultados mais rapidamente, deve-se escolher um especialista ou empresa que tenha reconhecida experiência na área e que possua alta reputação no mercado. O parceiro certo pode ajudá-lo a entender e superar seus próprios desafios estratégicos, avaliando como usar melhor suas plataformas de hardware, aplicações de software e os processos mais cruciais de seu negócio. É possível se chegar a uma verdadeira transformação alinhando toda sua cadeia de suprimentos em prol do avanço rápido e em direção a objetivos corporativos importantes.

Então, você deve manter reflexões sobre as seguintes questões: qual a sua capacidade de TI, quais são os seus processos diários significativos e quais parceiros poderiam ajudá-lo a melhorar seu negócio de forma contundente e acelerada. Como você está avaliando e aperfeiçoando o alinhamento entre a tecnologia e sua gestão logística? Pense nas questões expostas no texto, comparte com a realidade de sua empresa e analise as necessidades de harmonização desses setores. Caso ainda haja alguma dúvida, deixe seu comentário. Sugestões e opiniões também são sempre bem-vindas à conversa.

 

ORBIT Logistics é um dos principais fornecedores mundiais de soluções de gerenciamento de estoque (VMI – Vendor Managed Inventory e SCM – Supply Chain Management) e aquisição de dados em tempo real.

Nossa empresa, fundada em 2003, fornece um sistema modular para gerenciamento e automação da cadeia de suprimentos, atendendo clientes globais a partir de escritórios em Leverkusen (Alemanha), Atlanta (EUA), São Paulo (Brasil) e Shanghai (China). Uma equipe altamente qualificada, composta por mais de 40 engenheiros e técnicos, oferece soluções “turn key” personalizadas para gestão e monitoramento de processos.

Para mais informações:

ORBIT Logistics Brasil
www.orbitlog.com.br
dante@orbitlog.com.br

Tel.: (11) 3796-1755 / 1756
Cel.: (11) 96420-1701

Posts relacionados

Deixe um comentário