Como a automação está impulsionando as empresas frente à Pandemia

4 minutos para ler

O Covid-19 impactou severamente a vida social e a operação dos negócios em 2020, o que estimulou o uso da tecnologia e automação para driblar esse problema. 

O uso da automação veio como novo fôlego para as empresas, trazendo novas possibilidades estratégicas. 

Para que você entenda como tem sido o processo de automação nas empresas durante a pandemia e como isto tem impulsionado os negócios, leia mais a seguir!

Impacto do Covid-19 no processo de automação das empresas

Certamente você foi impactado pelas restrições preventivas que vieram com o Covid-19, e o mesmo ocorreu com as empresas.

A automação, pensada para fazer o “trabalho pesado” do ser humano, aumentando a eficiência e agilidade de processos, foi a resposta para lidar com esses obstáculos.

Ao que tudo indica, a busca por esta solução tende a crescer.  

Segundo a agência Ernst & Young, 36% das empresas estão acelerando seus planos de implementar o RPA – sigla para automação de processos robóticos. 

Realidade não tão distante do Brasil, que apesar do afastamento social, não parou com seu abastecimento no setor industrial

Acredita-se que quanto mais tempo perdurar a pandemia, mais atraente será a ideia de automação para as empresas.

Mas enfim, como a automação tem impulsionado as empresas durante a pandemia? 

Veremos a seguir alguns exemplos.

·        Respondendo às demandas rapidamente

O RPA permitiu que as empresas atendessem as demandas que aumentaram subitamente, sem pôr em risco a saúde dos funcionários.

Temos como exemplo o aumento no pedido de produtos de higienização por hospitais.

·        Aumentando a segurança

A automação diminui o ponto de contato humano nos processos de trabalho, fato que contribuiu para que empresas reabrissem com medidas de segurança mais apropriadas. 

É o caso de frigoríficos que adotaram sistema de automação para embalagens, diminuindo também os riscos de contaminação na carne.  

·        Reduzindo gastos e desperdícios

Com as aplicações de RPA, as empresas têm a possibilidade de gerenciar remotamente alguns processos, administrar recursos de software, hardware e simplificar relatórios.

Tudo isso contribui para a redução de falhas, atrasos, gastos e desperdícios em sua capacidade de produção. 

·        Aumentando a Produtividade 

Uma pesquisa do Instituto Global McKinsey concluiu que empresas que aplicaram RPA ganharam significativamente em desempenho e assumiram a liderança de seus setores. 

Isto porque 48% do tempo do trabalho humano é ocupado por tarefas repetitivas, ao automatizá-las, ficam para os funcionários tarefas criativas e estratégicas.

·        Diminuindo os erros

Ao automatizar tarefas repetitivas, os processos se tornam mais inteligentes e produtivos, reduzindo a incidência de erros e melhorando a qualidade do serviço. 

A pressão e o cansaço que as pessoas sentem numa intensa rotina de trabalho, são substituídas por rotinas otimizadas e aumento na eficiência da produção.

Concluindo, a automação nas empresas é um caminho sem volta, devido à sua capacidade de potencializar qualquer negócio.

Com uma visão otimista em relação aos empregos, as pessoas ganharão em habilidades criativas, interpessoais e na melhoria das operações.

A automação exigirá de pessoas e organizações uma rápida adaptação.

Se você quer ter acesso a mais conteúdos sobre o gerenciamento de processos logísticos, siga as nossas páginas no Facebook e no Linkedin para manter-se atualizado sobre as principais novidades do setor!

Posts relacionados

Deixe uma resposta