5 Dicas para melhorar a Gestão de Transporte nas empresas ainda esse ano

3 minutos para ler

Fazer uma eficiente gestão de transporte certamente trará boas recompensas para qualquer negócio que esteja sentindo os efeitos colaterais da pandemia.

Pensando nisso, trouxemos dicas para manter o seu negócio firme e ainda fazer essa área se sobressair no mercado.

Confira nos próximos tópicos! 

Desafios e motivos para investir em uma boa gestão de transporte

Vários setores econômicos tiveram que paralisar ou diminuir suas atividades por conta do coronavírus, o que afetou diretamente o setor de transporte

No Brasil, uma pesquisa da CNT realizada com empresas desta área em abril de 2021, relatou o seguinte:

  • Metade dos entrevistados acreditam que fecharão o ano com prejuízos;
  • Tiveram baixo faturamento;
  • Relataram redução na capacidade de pagamento;
  • Tiveram redução de demanda;
  • e 52,4% apontaram aumento no endividamento. 

Mesmo com a retomada parcial de algumas atividades, a recuperação ocorrerá de forma gradativa e lenta.

Razão para uma boa gestão de transporte nas empresas para reduzir os danos financeiros e se fortalecer pós-pandemia. 

5 Dicas para a gestão de transporte da sua empresa alcançar excelentes resultados!

1.   Não deixe de lado o planejamento

É no planejamento que todos os processos devem ser analisados e otimizados, a ideia é conseguir padronizar algumas etapas e inserir soluções inteligentes onde possível. 

Verifique se a sua empresa tem condições de incluir no planejamento:

  • Previsões de demanda (Demand Driven);
  • Manutenção dos equipamentos;
  • Metas sustentáveis que incluam transportes mais limpos e redução do carbono;
  • Planos de inovação, que incluam recursos tecnológicos e modernização do setor de transporte. 

2.   Utilize um software de gestão a seu favor

Recursos como um sistema ERP ou BIG Data trazem vantagens que vão desde redução de despesas com veículos, informações de rotas, frotas, salários e automação de operações.

São dados e aplicações valiosas para otimizar recursos e encontrar alternativas realistas e inteligentes para o seu negócio. 

3.   Tenha Controle sobre os seus Gastos

Aqui o ideal é estar atento com as despesas de manutenção, equipamentos e salários, avaliar as áreas de maior custo e o que fazer para reduzir gastos nestas áreas.

Verifique se não compensa mais a contratação de uma terceirizada para reduzir custos. 

4.   Oriente e capacite da sua equipe

Se você quer realmente garantir bom desempenho, o máximo de qualidade nos seus produtos e ainda reduzir desperdícios, invista na sua equipe.

Reforce ações preventivas neste momento de pandemia e busque aprimorar as habilidades dos seus funcionários.

Acompanhe o desempenho deles para saber as áreas de maior necessidade de treinamento.

5. Monitore e busque melhoria contínua

O monitoramento periódico previne sérios problemas futuros e contribui para mitigar falhas.

Com controle das despesas e monitoramento constante, é possível se obter melhorias na operação que fortaleça sua rede logística e reduza os riscos.

E então, sua empresa já coloca em prática todas essas dicas?

Se ainda não, avalie como é possível começar!

Caso já esteja no caminho, sempre é bom relembrar esses princípios, avaliar o seu andamento, para assim dar um passo adiante!

Se você quer ter acesso a mais conteúdos sobre o gerenciamento de processos logísticos, siga as nossas páginas no Facebook e no Linkedin para manter-se atualizado sobre as principais novidades do setor!

Posts relacionados

Deixe um comentário